Make your own free website on Tripod.com

GOADS

 

 

Caracteristicas

Home Galinhas Integrando novas aves Manejo de aves adultas Manejo Canibalismo Manejo dos pintinhos Alimentação Farinha de Casca de Ovo Reprodução Inseminação Links Ofertas


Características

Tamanho

No geral, as galinhas são aves de porte médio, embora  os indivíduos possam variar entre aproximadamente 400 gr e 6.0 Kg, dependendo da variedade a que pertençam.

Além da variação comum entre as raças, temos também os indivíduos chamados de garnizé ou bantam, na terminologia inglesa. Esses são mini-galinhas. É comum que em muitas raças encontremos os indivíduos de porte médio ou grande e  uma versão garnizé da raça, com indivíduos pequeninos, porém com as mesmas características dos maiores. Há, no entanto,  raças que só admitem em seu padrão os garnizés e outras que descartam esses, admitindo no padrão, apenas aves médias ou grandes.

LSUSSEX1.jpg (20900 bytes)

Plumagem

Todas as raças, em maior ou menor grau, têm o corpo coberto de penas. A cor e aparência dessa plumagem muda bastante de variedade para variedade. Em termos gerais as plumagens podem ser:

  • cor :

As cores básicas encontradas nas diversas variedades são o branco, preto e marrom. A partir da mistura e dissolução genéticas dessas cores é que encontramos tantas variedade na coloração das galinhas, como, por exemplo, as galinhas carijós.

  • Plumagem :

Independentemente das diferenças entre as penas por sua especialização funcional, grosso modo, as penas das galinhas podem ser curtas, duras e bem rente ao corpo, como nas galinhas da raça Cornish,  médias e  suaves como nas galinhas Rhodia e Leghorn, Longas e bem macias como nas Galinhas da Raça Cochin e nem se parecerem com penas, como é o caso das Galinhas da raça Sedosa do Japão, que possuem o corpo coberto de plumas delgadas que mais parecem pelos.

Há ainda outras características da plumagem como a presença de penas nos pés, traço dos exemplares da raça Brahma e o penacho das galinhas Polonesas. Há galinhas, também, que não possuem cauda, Araucanas, e galinhas que apresentam pequenos penachos nas orelhas, Ameraucanas.

  • Sentidos

As galinhas, assim como as outras aves de criação doméstica possuem paladar e olfato pouco desenvolvidos. Em contrapartida, a visão e audição são muito bem desenvolvidas. Como seus pés são cobertos de escamas elas têm pouca ou quase nenhuma sensibilidade nessa área.

  • Comportamento

Como a população de galinhas em determinada área é normalmente definida pelo criador, tanto quantativa quanto qualitativamente, às vezes o que descrevo a seguir pode não ser válido. Entretanto, em condições normais, as galinhas tendem a viver em haréns. Esses haréns são compostos por um  macho para até dez fêmeas.

Quando há muitas fêmeas no galinheiro, dois ou mais machos acabam por dividir as fêmeas, e formam-se então haréns como subdivisões da criação. Mas isso não é uma divisão rígida, pois os machos estarão sempre tentando conquistar mais uma fêmea para seu harém. Normalmente, é a fêmea de outro harém que se nega ao acasalamento com machos estranhos.

Ainda, um grupo de galinhas sempre é regido por uma rígida hierarquia em que os indivíduos são dominantes ou dominados em relação a outros do grupo. A ave dominante é aquela que bica e não encontra resistência, mas submissão por parte da ave bicada, que se limita a fugir de seu agressor.

No topo da hierarquia, usualmente está um macho e na base uma fêmea ou um macho. Somente os machos de nível hierárquico alto acasalam ou possuem haréns, outros machos passam a viver à margem da comunidade do galinheiro, pois os outros machos não lhes permitem acasalar e nem tampouco as galinhas os aceitam.

Contudo, se for retirada alguma ave de nível hierárquico alto ou adicionados outros indivíduos ao grupo, essa situação pode mudar e um galo antes dominado pode passar a dominante. Isso é feito através de brigas que podem não resultar em maiores danos ou podem até resultar na morte de alguma ave. As brigas continuarão até que uma nova ordem de hierárquica seja estabelecida.

ROONEW.jpg (7067 bytes)     SUSSEX01.jpg (39693 bytes)

Outras características

A pele das galinhas pode ser branca, amarela e preta. A pele branca é muito comum nas galinhas caipiras, mesmo as que têm a plumagem preta. A coloração amarela da pele é uma característica valorizada pela indústria dos frangos de corte, pois acredita-se que frangos com a pele pigmentada assim são mais atraentes aos olhos dos consumidores. Finalmente, a pele preta é características de raças exóticas como as sedosas do japão e a rara Cedami da Oceânia. Aliás, a raça cedami é toda preta, tem a pele, bico, patas, unhas, crista, carne e dizem também os ossos da cor preta.

Ainda como característica, as galinhas podem ter quatro ou cinco dedos em cada um de seus pés. O comum é a presença de quatro dedos em cada pé, mas há pelo menos uma raça, a sedosa do japão, cujos pés possuem cinco dedos.

Como última característica temos a cor dos ovos. Os ovos das galinhas podem ser brancos, marrons, azulados e esverdeados. Ainda, podem ser de cor sólida ou pintadinhos.

A exceção do branco, as outras cores podem variar bastante de tonalidade. Geneticamente, os ovos azulados ou esverdeados dominam, todas as outras cores, seguidos dos marrons e finalmente da cor branca pura. No entanto,  se cruzarmos uma variedade que produza ovos marrom escuro com uma variedade que produza ovos brancos, a primeira geração, provavelmente, produzirá ovos marrom claro.

Em suma, são essas as características que separamos como principais, embora, existam muitas outras que não estamos abrangendo aqui, por não acreditarmos fazer parte do escopo desse trabalho.